ESQUECENDO A "OPOSIÇÃO"

Lendo este excelente artigo do Augusto de Franco, sobre a praga do neo-populismo que, inelutavelmente já contaminou o país, fico me perguntando por que todos ainda insistem em considerar o PSDB como “oposição”. Neste mesmo artigo, o autor desdenha da postura tucana em relação àqueles que mergulharam o país no atraso e no autoritarismo esquerdista.

Ora, o PSDB nunca se opôs aos projetos petistas, como agora não se opõe ao lulo-petista. Ao contrário, reforça-o sem disfarces, a não ser por um discurso aqui, uma matéria plantada ali, em tentativa canhestra de engambelar os eleitores que nele confiaram. Não podemos esquecer que a alma dos tucanos é esquerdista. Não podemos esquecer que os coronéis nordestinos infiltrados no PSDB são apenas isso: coronéis nordestinos e como tal, lambem os pés de qualquer um que esteja no poder.

Desde as primeiras revelações públicas das corrupções comandadas pelo partido vermelho, os tucanos mostraram de que lado estavam com sua atitude aparentemente covarde, porém, muito bem planejada, como naqueles ringues de boxe de luta comprada de antemão.

Imbecis fomos nós que neles confiamos. E continuamos a ser enquanto nossa mente privilegiada de "elite" não entender que desde sempre a oposição ao lulo-petismo é uma falácia disseminada por todos os bandos de políticos que nos amarguram a vida.

Pergunta Augusto de Franco:

Quem vai reagir? A sociedade? Se depender dos tucanos e pefelistas, a sociedade será desarmada continuamente para não ter como reagir e nem como resistir. PSDB e PFL não querem que a sociedade faça qualquer coisa que possa atrapalhar seus planos. Querem monopolizar a voz oposicionista para negociar com o governo federal o seu tom, o volume e o timbre dessa voz discordante em troca de espelhinhos e miçangas (ou seja, de oportunidades no varejo para seus líderes: um lugarzinho na mesa da Câmara, um tratamento menos belicoso por parte dos deputados estaduais petistas aos governadores tucanos... e por aí vai).


Então, amigos, estamos entregues a bandos de políticos em busca do paraíso da mediocridade suficiente para o nível igualmente medíocre dos vermes. Temos, portanto que abrir os olhos e enterrar o cadáver onde se nutrem. Temos que voltar as costas para esses falsos condutores e, como cidadãos, por mãos à obra, por nós mesmos.

Alguém sugere como?

10 comentários:

Angelo da C.I.A. disse...

Uau Saramar, o novo visual do blog está totalmente dark! Bem no clima dos dias atuais. Gostei mesmo!


Meu roteiro para salvar o Brasil é este:
1º Usar o PSDB para derrotarmos o PT;
2º Usar o PFL para derrotarmos o PSDB;
3º Por fim... Bem, quem nos salvaria do PFL?

PELADUZ disse...

Saramar,

Vc já responde. Espelhinhos e missangas.

Não temos governo. Não temos oposição.
Temos uma massa enorme de povo faminto. Uma elite hoje arrependida...

Tarde demais. Nunca foi tão tarde.

Por favor. Não se gasta vela com defunto ruim.

Enterrem o defunto, isso quando ele entender que morreu, ou não ser mais possível disfarçar o mau cheiro.

Vamos a la praia?

Steve Hunter disse...

Legal o novo visual. Os textos sempre foram bons.

Abço.

DO disse...

Sinceramente eu não sei como,SARAMAR. O correto,e ético,seria usar as urnas.
Mas com estes candidatos? Com este povo?
Hoje confio demais no poder da imprensa e da sua capacidade de denunciar. Mas até onde isto vai? Com uma legislação porca e um judiciário corrompido?
Tristes tempos estes.

Beijos!

Nilson Barcelli disse...

...estamos entregues a bandos de políticos em busca do paraíso da mediocridade suficiente para o nível igualmente medíocre dos vermes.

Não estou dentro dos pormenores da política brasileira mas, com uns pequenos retoques, o seu excelente texto adapta-se perfeitamente a Portugal e a muitos mais países.

Beijo.

Ricardo Rayol disse...

Como eu digo... uma camabada de porcos que se vendem por qualquer 30 moedas

Cadinho RoCo disse...

Precisamos de atitude de comportamento coerente. Não aceitar em nenhum momento os sutis movimentos dessa gente em nome de uma paciência que termina em hipocrisia. Temos noção muito clara de quem vota elege esta corja. Infelizmente é preciso ter tolerância zero para com quem termina por usar nossa ingenuidade.
Cadinho RoCo

keikas disse...

menina!!!
a coisa esta danada de ruim, mas ainda não perdi a esperança...
bom domingo
bjka

Patacoadas do Cleber disse...

Saramar, concordo com o Noblat quando se refere ao PSDB como um partidinho sem vergonha. Nunca ví gente em cima do muro igual essa...

ROÇA COISA É OUTRA LIMPA disse...

Não gosto do Noblat, mas sou obrigado a concordar com ele ultimamente.E tem gente que acha impossível isso virar Venezuela...