LULA E A EDUCAÇÃO

“Lula não compartilha da idéia de que o povo se liberta pela educação.”
Cristovam Buarque


Lula da Silva afirma que em seu primeiro governo (?) deu ênfase ao crescimento e ao desenvolvimento. No segundo, segundo ele (toc, toc, toc) sua prioridade será a educação.

Irá ele matar a galinha dos ovos de ouro? Irá permitir que a população tenha acesso à educação e assim, à verdadeira face da sua história política marcada pelo engodo e pela mentira? Duvido.

Não que eu acredite nele, porém, se ele for realmente pôr em prática algum projeto educacional (qual? quem viu? onde está? quem elaborou?) tremo ao pensar o que seria.

Lembrei-me de um artigo de Rodrigo Constantino no qual ele se refere a Cuba e à ausência de analfabetos naquele pobre país, indagando “o que adianta saber ler e ter apenas um jornal como fonte de 'informação', controlado pelo ditador? Para que vale saber ler e ser vítima de doutrinação ideológica desde cedo, nas escolas? O que importa ter diploma e não ter emprego?”.

Hoje, em nossa democracia meio esquisita, conforme li aqui e aqui, os livros escolares trazem textos de Stédile, o líder do retrocesso econômico e político do qual os sem terra são as cobaias. Imagino então, como seria um projeto de educação do petismo vermelho, cujo objetivo principal é a manutenção do poder e a esquerdização do país.

Quem seriam os mentores de tal projeto? Marilena Chauí, suposta intelectual que defende seu partido acima de toda e qualquer isenção científica? Quem seria o ministro responsável se, neste primeiro governo (?), o educador Cristovam Buarque foi demitido por telefone e o atual é, desde então, interino?

Tremo, temo pelo que poderia advir neste suposto incentivo à educação daquele que nunca leu um livro.

14 comentários:

Gusta disse...

Welcome ao blogspot!! hehehe
Se você precisar de alguma ajudinha, conte comigo.
Beijocas

Aluizio Amorim disse...

Salve, Saramar:

parabéns pelas mundaças. Está bonito. Já fiz as alterações no link. E acabei de postar um artigo agora mesmo a respeito do comportamento da mídia ante as denúncias da Carta de FHC.

Abs
Aluízio Amorim
http://oquepensaaluizio.zip.net

"Política sem medo" disse...

Olá querida Saramar
Não fique tão apreensiva pois cada denúncia que fazemos e passamos adiante é um passo para que não entremos nesse futuro nebuloso que antevemos para nosso país. Com certeza Deus não permitirá que o mal prevaleça e esses abutres transformem nosso Brasil num lugar de escravos,onde a prática da religião é proibida, não se pode formar grupos, há toque de recolher e o estado intervém na sua intimidade e no seu salário.
Vamos lutar para que esse crápula seja banido do nosso convívio. Louco ele ja está, desrespeitando outros governantes, depois de beber alguns muitos goles. Ânimo, querida! Unidos, venceremos.
Boa noite para você também e obrigada.
Tereza

José Alberto Mostardinha disse...

Olá Saramar:

O Cristovão Buarque, que politicamente não conheço, como em geral todos os políticos brasileiros - pelos vistos é menos uma dor de cabeça que tenho :-)-, pode ter todos os defeitos mas quando fala de que é pela educação que o povo se liberta, só por isso já grangearia a minha simpatia.

Há castas na pólítica, de que refiro duas, os ditadores e os corruptos, que têm uma "simpatia" especial por uma sociedade ignorante e, como tal, longe da educação.

Hoje na Europa esse é o "tema do dia".
E já não basta somente saber ler e escrever é preciso muito mais, são precisas especializações tecnológicas no mínimo de nível médio.

O Brasil, atendendo ao seu potencial, não pode ficar para trás nesta matéria.

Um beijo,

José Alberto Mostardinha disse...

ahhh!!!... e bemvinda ao blogspot...se for ver o email verá porquê.

Beijo,

Stella disse...

Sara, se ele fizer com a educação o mesmo que diz que fez (sic)com crescimento e desenvolvimento, teremos um país de analfabetos

piçicoP@t@ disse...

Oizinho,
peço permissão para aqui adentrar.

Sou mais uma pata como milhões de patos que existem nesse país. Assistimos de camarote, em nossos puleiros, essa bobagem que é "definirem o nosso destino". Não temos como mudar nossa história porque não temos quem nos represente. Somo reféns de políticos que só se representam.
E nós, patos depenados, somos servidos em banquetes.

SÓ VEJO UMA SOLUÇÃO!
Lembro de um filme que assisti há muito tempo. Muito legal. A solução era dada por uma SANTA GRANADA DE MÃO.

A Santa Granada de Mão de Antioch
Armamentos, Capítulo II, Versículos 9-21
E São Átila ergueu a granada de mão e disse:
-Oh Senhor, abençoe esta granada de mão, para com ela poderdes destroçar os vossos inimigos em vossa misericórdia.
o Senhor sorriu e o povo festejou com carneiros, ursos, carpas, anchovas, orangotangos, cereais e morcegos...
e o Senhor seguiu dizendo:
-primeiro deveis retirar o santo pino, depois contar até três, nem mais, nem menos, três é o número que deveis contar, e o número da conta deve ser três, o quatro não deve ser contado, nem deveis contar o dois, exceto o que precede o três, o cinco está de fora. Uma vez que três é o terceiro número a ser contado, atirai a Santa Granada de Mão de Antioch contra o vosso inimigo, que sendo mau aos meus olhos deverá morrer! AMÉM!

VOLTAREI!

Steve Hunter disse...

Já está lá, Dear Saramar!

Bjks.

Esquadrinhando

Orlando Tambosi disse...

Sarmar, compartilho seu temor.

(Já vou trocar o link).

Bom domingo.

Gaucho disse...

Olá, Saramar...
Visitando a nova casa, amiga.
Vamos mudar o link, ok.
Abraço e um excelente domingo.

cilene disse...

eu acho que falta no Brasil e um povo educado...

+ Kazzx + disse...

Cara Saramar:

Li no blog do Bosco :

www.cronicas.blog-se.com.br,algo mais ou menos assim :

Se Cristovão Buarque ganhasse, sofreriamos muito em seu governo, mas em dez anos seriamos um país bem melhor.

Se Lula ganhar vamos sofrer mais ou menos durante uns vinte anos e não vamos chegar a lugar nenhum.

Afino meu pensamento com o dele, estamos numa enrascada total e vem mais quatro anos de Petismo por ai..vamos preparar a paciência, o bolso e o saco...

Bjs

Vera disse...

Boa noite SARAMAR: Casa nova espero que dê sorte para nós todos que queremos o melhor para nosso país. :-) bjs

Alexandre, The Great disse...

Saramar.

A "iducassão" que elle pretender "incentivar" no Brasil nós já conhecemos. O atraso e a subserviência só são possíveis de serem mantidos através deste "modelo educacional esquerdista" que vc citou no artigo.

Obrigado pela sua gentil atenção ao OutrasLetras durante meu breve "recesso".

Beijos e Meus Parabéns pela nova opção!