MEU REINO POR UM ALIADO

Roriz e seu discurso abjeto vieram para fechar (ou abrir) adequadamente a oficialização da política de VERGONHA ZERO neste país perfeito. Instaurou-se oficialmente com pompa e circunstância (será a primeira vez?) a anistia aos mentirosos, aos cínicos, aos aloprados. Não interessa o epíteto, interessa o graal da aliança, o aliado.

Outra ministra de Lulla falou: o homem do bezerro de ouro é inocente. E o líder mesmo, do alto de sua sabedoria jurídica, já decretou:

"Não há nada pior na democracia do que alguém ser condenado sem ter cometido crime, é tão grave quanto alguém ser absolvido sem ter cometido um crime".

Entenda como quiser, principalmente se entender que a palavra real e impoluta se destina a esclarecer que o homem da vaca-mãe dos bezerros de ouro, coitado, é vítima inocente dos excessos da PF e do MP, essas duas siglas malignas (agora que colocaram aliados em situação difícil).

Portanto, meu querido amigo, durma em paz. Já ficou estabelecido que são todos inocentes. O líder, tal como fez com Dirceu, Palocci, Vavá, Gushiken, et cateva, agora ungiu o cordeiro (ou seria bezerro?) com o selo da inocência e seus vassalos, pressurosos, confirmam: Renan é inocente. Amanhã, será Roriz, não se preocupe.

"É preciso fazer uma boa e sensata investigação, doa a quem doer, mas tem que ter consciência de que os 190 milhões de brasileiros todos têm que ter a chance de provar a inocência antes de ser condenados" (Lula, o sábio).

Teria razão, o líder se entendesse de sinceridade. Porém, no caso de uns tantos brasileiros não há inocência presumida. São todos culpados de eleger os aliens repelentes que hoje nos envergonham. Só não vamos todos para o inferno, porque ele, como diria Caetano, é aqui.

8 comentários:

junior disse...

Eu nem to acompanhando mais esses casos aí, esse coletivo não tem salvação, salve-se salve-se.
beijos

CAntonio disse...

Saramar,

Notou que os ladrões - verdadeiros - jamais abandonam um comparsa?

A filosofia da máfia foi melhorada no Brasil.

SDS.

ROÇA COISA É OUTRA LIMPA disse...

Juro que n�o entendo como � que um sujeito que coacha no tom que o lula vomita as merdas dele pode ser admirado por tantas antas.

Joana Dalila Santos disse...

Pura demagogia

alexandre, the great disse...

"Não há nada pior na democracia do que alguém ser condenado sem ter cometido crime, é tão grave quanto alguém ser absolvido sem ter cometido um crime".

Foi assim mesmo? Nem presto mais atenção nas falas do "Mago da política prostituída", mas falou uma grande asneira (pobre asno...).

E a guerrilheira? Também defendeu o Rei do Gado?
Olha... diante de tantos "apoios" recebidos, já não vejo nenhum impedimento no fato do presidente do conselho de (?)ética responder a 2 processos por fraude e desvio de verbas. Afinal: o Rei do Gado não tem que ser julgado pelos "pares" ?

Então?


Alexandre, The Great

Ricardo Rayol disse...

Que país interessante não?

DO disse...

VERGONHA!!!!!!

Fábio Max Marschner Mayer disse...

Lula apenas repete o que é a regra no Brasil. O presidente da república daqui, seja quem for, defende os comparsas do Congresso a qualquer preço, mesmo sabendo que não são flor que se cheire.

O problema é que antigamente, manobras para salvar corruptos eram mais sutis e menos escâncaradas. Hoje, praticam toda e qualquer tentativa de fugir às responsabilidades sem sequer uma cara vermelha de vergonha... o que é resultado da queda visível do nível intelectual dos "representantes do povo"!