MANHÃ DE PÉ ESQUERDO


[ou os românticos também odeiam.]


um texto de Leonardo Scartezzine


O abismo moral pelo qual o Brasil vai despencando parece não ter fundo. Tudo o que importa para o presidente dos "grandes conglomerados" se resume em índices econômicos saudáveis. Para o povinho basta algum trocado para a prestação das Casas Bahia e está tudo bem. Parece exagero? Não é não. Lula seria reeleito hoje, companheiro. De novo.

É verdade que a nação (até) fica um tanto escandalizada com as patifarias, mas não reage. Não tem vontade e nem estímulo. O povo prostrou-se diante da iniqüidade. Não adianta. Não existe justiça. Ninguém paga por nada. A constatação está nas tais "vozes das ruas" por onde parece transitar cada vez mais os cornos e bandidos.

Quando Lula foi reeleito para um segundo mandato, imaginei que estávamos abrindo um perigoso precedente para a impunidade no país. Afinal, o homem e o partido dele deram um show nunca visto de escândalos e de incompetência. Foi no que foi e deu no que deu.

Pode-se até dizer que "nunca se prendeu tanto neste país", e eu responderia na bucha que "nunca se soltou tanto neste país". De que adianta todo este circo, quando se descobre que nem a PF dá jeito na coisa? Hoje todo mundo rouba com a premissa da impunidade. Os escândalos são tantos que os políticos já contam com eles no futuro para cobrirem os que acontece agora. Assim como os marginais, que se tornam cada dia mais ousados, os políticos assim também o fazem. Nada parece (ou aparece) para impedi-los além da Policia Federal (para a qual já existem vozes de advertências). As CPIS se tornaram eventos teatrais absolutamente inúteis.

De certo modo vivemos debaixo de uma ditadura imoral sem respeito às instituições e ao povo. Um bom exemplo do que digo foi a atitude porra-loca da Martha Suplicy e sua frase infeliz. Pior ainda foi o presidente colocar a sua disposição um jato da FAB para seus deslocamentos para que a sexóloga não viesse a sofrer agressões de populares nos aeroportos. Vc soube disto? Ouça a CBN.

Aliás, Lula se organiza (tenho receios), tornando Brasília um cabide monstruoso de emprego e salários generosos para petistas-dizimistas. Você compreende a delicadeza de tais situações? É fácil: de uma ponta a outra todas as opiniões são compradas. E pior, todas estão a venda.

Segundo pesquisas, para 58% dos brasileiros o Congresso poderia fechar que não faria falta. Ou seja, quando o brasileiro consegue ter uma opinião ele dá todos os tiros no seu próprio pé. Fechar o Congresso? Mas quem foi que elegeu toda essa canalhada para defender nossos interesses? O que a instituição tem com isto? Quem gosta de cevar ditadores que vá pra Venezuela ou vá tomar no seu próprio c(*). No meu não, violão.

A situação é gravíssima, mas o lado cruel disto tudo é que ela é assim só pra quem tem vergonha na cara, caráter e ainda possui certos pudores. Gente que prefere morrer a trocar sua dignidade por meia-bóia-família ou pela tal prestação das Casas Bahia. Alguns poucos.

Nunca me surpreendeu que os políticos (especialmente Lula e o PT) sejam como são. O que torna tudo insuportável é que neste país (que é meu também), o povinho não valha absolutamente nada. Estou assustado e indignado. Só não desejo que todo mundo vá se fuder por que eu (e uma minoria que anda muito silenciosa) ainda temos um risco de esperança.Quem sabe algo sobrenatural, um tsunami, um raio ou o Homem Aranha. De qualquer forma, se vc que me lê pensa como eles, espero que vc seja cozido no enxofre, assado em fogo brando e servido em fatías "à dorê" numa festinha de lobista em Brasília. Ora essa.

15 comentários:

Santa disse...

Saramar, um dos melhores artigos que li!

PS: Estou preparando um post (lenta com minha mão dodói...) em agradecimento as homenagens que o Blog da Santa tem recebido só nesse ano. A responsabilidade é grande em poder retribuir a altura. Só tenho agradecer a grande honra de uma das indicações ser a sua!

Um grande beijo

pianomanga disse...

Oi Saramar boa tarde.
Saramar tudo que dissestes neste post, e o que cada um dos brasilei
ros nao votantes nesta escumalha que ai esta gostaria de ter escrito
voce foi muito feliz na sua explana
cao, parabens. No meu post, tudo aquilo aconteceu em 2001, agora eu ainda vou viajar rsssss. Forte abraço e continue indignada, pois
e so o que nos resta.

R. Paschoal disse...

E ainda ficamos nos sentindo culpados por termos votado [ acreditado ] nessa corja de ladrões...

Jorge Sobesta disse...

Saramar,

Passei para lhe desejar uma otima semana!

Grande abraço.

Ronald disse...

Saramar, brigaduuuu pela visita e pelas palavras. Temos três tipos de pessoas no Brasil, acho eu, um somos nós que vivemos à merce de uma corja que não vale nada. Outra, é 95% da população que não enxerga absolutamente nada e o outro, é a teimosia de ideológicos que chegam até as vias de ofensas na defesa desses ditadores. Somos poucos é claro, mas um dia muda, você vai ver...

alexandre, the great disse...

Saramar.
Mais um ótimo texto reproduzido aqui neste seu espaço de alcance internacional.
Gostei muito de apreciá-lo e concordo com o Leonardo.
Meus Parabéns !


Alexandre, The Great

DO disse...

Infelizmente é a nossa triste realidade,Saramar.
Se o mal exemplo vem de cima,a sociedade está aprendendo muito rapidamente.
E o pior ainda está por vir...

Beijos!!

Gusta disse...

Querida,
Ronald disse tudo!

Ahhhh, pobre Brasil!!!

Bjocas

Fábio Max Marschner Mayer disse...

A população elege um Congresso podre e ela mesma defende que ele acabe, não é um paradoxo?

É algo surreal. Porque a população poderia simplesmente não votar no Congresso que está aí e trocá-lo na inteireza...mas para fazer isso, teria que pensar um pouco, coisa que não lhe agrada.

É fácil usar a via do fim do Legislativo. Ela parece simples e interessante. Porém, por pior que seja o legislativo, fechá-lo significa concentrar poderes nas mãos de menos gente ainda, e poderes concentrados quase sempre viram ditadura que desconta seus maus humores no mesmo povão... mas isso, o povão só lembra quando estiver abaixo de chicote!

Vera disse...

:D Olá grande SARAMAR! Obrigada amiga pela lembrança, perdoe minha demora em falar. Ando brincando muito de boneca, para relaxar...rsrs. Obrigada mesmo! :) Bjs!

João Cordeiro disse...

Sem saber e vindo nas asas de um sonho, aqui pousei…

Eles não sabem, nem sonham,

que o sonho comanda a vida,

que sempre que um homem sonha

o mundo pula e avança

como bola colorida

entre as mãos de uma criança.

(António Gedeão)

Beijo sonhador

João Cordeiro disse...

Sem saber e vindo nas asas de um sonho, aqui pousei… e gostei da beleza que encontrei.

Eles não sabem, nem sonham,

que o sonho comanda a vida,

que sempre que um homem sonha

o mundo pula e avança

como bola colorida

entre as mãos de uma criança.

(António Gedeão)

Beijo sonhador

ROÇA COISA É OUTRA LIMPA disse...

Aliás, essa aproximação do lula com todos os partidos, essas "prisões" da "polícia" Federal, parece tudo coisa de uma mesma armação dos petralhas, justamente visando fechar o "congresso".Tudo uma grande farsa armada pelos cumpanhero.
Contem outra!

CAntonio disse...

Saramar,

Discordo do "por que eu (e uma minoria que anda muito silenciosa) ainda temos um risco de esperança". Silenciosa é certa, minoria porém tenho minhas dúvidas.Estamos sendo engolidos por pesquisas. Institutos de "jornais" que estão ao lado do governo por conveniência monetária ou ideológica. Institutos que recebem o dinheiro das pesquisas da CNT do Sr. Clésio Andrade, atolado de processos barrados e esquecidos. Ibope, que todos sabíamos em dificuldades, mas que, de uma hora para outra, ninguém sabe o que aconteceu. Por quê foi mesmo que o Gallup parou de fazer pesquisas políticas no Brasil?

Minoria Silenciosa? Du-vi-de-ó-dó.

Bjusmil

Ricardo Rayol disse...

Tenho dúvidas que se o voto fosse facultativo um cristão que fosse iria comparecer para votar. A lista de elegíveis é digna de figura na lista vip do inferno. A grande questão é se fechando o congresso a coisa melhora, eu acho que não apesar de que com os porcos que habitam a pocilga estamos ferrados.