HÉRCULES E O CORONEL

O Professor e Sociólogo José Murilo Carvalho publicou em 2001, no Jornal do Brasil, um artigo em que explicou as “Metamorfoses do coronel”. Segundo ele, o coronel moderno “não derruba governadores, não tem seu poder baseado na posse da terra e no controle da população rural”.

Entretanto, a “arrogância e a prepotência no trato com os adversários, a inadaptação às regras da convivência democrática, a convicção de estar acima da lei, a incapacidade de distinguir o público do privado, o uso do poder para conseguir empregos, contratos, financiamentos, subsídios e outros favores para enriquecimento próprio e da parentela” são os mesmos, tudo devidamente temperado “com o molho do paternalismo e do clientelismo distribuindo as sobras das benesses públicas de que se apropria”.

Completa afirmando que o coronel atual é habilidoso, por “usar máscaras, como a do líder populista, ou do campeão da moralidade”.

Desculpe-me a longa citação, mas é que qualquer semelhança com o governante atual não é coincidência. Sabemos bem que este nada fez, nada faz, tudo copia.

A exceção em sua conduta é a tentativa constante de afrontar a Constituição Brasileira, seja editando as famigeradas MP, seja enviando propostas de emendas que visam tão somente ampliar seus instrumentos de poder. Não é típico do coronelismo a manipulação das normas para se beneficiar?

Depois de tentar dominar jornalistas e instituir a censura e o racismo no país, o coronel tenta, agora, legalizar o aparelhamento do Estado pelo exército de militantes vermelhos, com as propostas de emenda constitucional (PEC's) n.º 54 e 59.

Ambas, combinadas, prevêem a efetivação de 260 mil funcionários comissionados, contratados ou terceirizados da União, estados e municípios, além de autarquias, empresas públicas, fundações e sociedades de economia mista, independentemente do ano em que entraram na administração pública, SEM CONCURSO PÚBLICO.

Isto é, todos os companheiros que trouxeram o caos para a administração pública e seus simpatizantes serão agora, "servidores públicos". Que piada! E, mais grave, que piada macabra quando a incapacidade técnica e gerencial dos auxiliares do governo na gestão do país foi tragicamente atirada na alma do povo brasileiro em forma de cinzas, piadas e desrespeito.

São pessoas semelhantes aos diretores da Anac, da Infraero, da Funai (você leu a última VEJA?), todos os apadrinhados políticos, os militantes, os companheiros que precisam de uma sinecura, os sem-mandato, ex-mensaleiros, et caterva, que ocupam esses cargos que se pretende efetivar.

Para beneficiar seus vassalos, além de pretender alterar a Constituição (que ele não assinou), o coronel ainda joga por terra a instituição do concurso público, uma pálida tentativa de moralizar a administração, ao incluir (pelas portas escusas do favorecimento político) quase 300 mil pessoas na folha de pagamento governamental, provocando uma oneração do Tesouro jamais vista na história deste pobre país.

Não, eu não posso chamar isso de "trem da alegria", mesmo porque, no Brasil, trem não funciona (a não ser os que pertencem à iniciativa privada). Para mim, este é o aerolula da companheirada.

Vamos permitir mais esse absurdo? Mais uma bolsa-esmola (dessa vez, caríssima) paga regiamente com o dinheiro público?

Temos que nos manifestar contra esse abuso. Eu sei, são muitos, e nem somos Hércules, que só teve 12 trabalhos. Os brasileiros, porém, desde a ascensão do lulo-petismo, têm muitos trabalhos, todos os dias. Sejamos, então, mais que Hércules e vamos enfrentar mais essa luta.

Caso queira protestar, adapte a carta abaixo (elaborada por ALEXANDRE, THE GREAT) e envie para TODAS as excelências do seu Estado.

Exmo. Sr Deputado...
Sou eleitor seu aqui do (UF) e tenho que me manifestar no sentido de REQUERER que V. Ex.ª se insurja CONTRA o Projeto de efetivação de cerca de 300.000 servidores nomeados para cargos públicos SEM CONCURSO pelo PT.
Eu sou servidor público concursado, com mais de 30 anos de serviço e vários cursos de especialização e não posso aceitar tal prática.
Por essa razão é que temos visto o descalabro da Administração Pública em nosso País e V. Ex.ª, espero, não irá apadrinhar tal prática.
Aguardo seu posicionamento.
(nome e e-mail)

5 comentários:

alexandre, the great disse...

Saramar.
Os "representantes do povo" do meu estado receberam a mensagem que enviei hoje (14/08). Muito embora saiba que a quase totalidade deles não se importa com aqueles que os elegeram, exceto nas proximidades das eleições, tenho que raciocinar democraticamente e pressupor que irão ler as manifestações de repúdio a este nepotismo institucionalizado através de uma PEC.
Pode parecer que tal atitude se assemelhe àquela fábula do colibri no incêndio florestal, mas OMISSÃO é uma palavra que jamais existiu no meu dicionário.

Obrigado pela atenção.


Alexandre, The Great

pianomanga disse...

Ah!!! querida Saramar, bom dia.
Muito obrigado pelos agradecimentos
pois tudo que vir de você, já chega
à mim como lisonja.Sabia que fiz as
brincadeiras mas fui dormir apreen
sivo? Preocupado com a recepção que
você pudesse dar à minha ousadia de
brincar com você. Hoje pela manhã
qual minha surpresa? você gostou e foi de uma gentileza impar para comigo, muito obrigado. Quanto ao seu texto, ele é digno de ser lido
por um Pedro Simom na tribuna do se
nado.Não que este seja referencial de nada, já que tambem é um politi
co mamador das tetas publicas a trezenas de decadas, mas aparenta
aos incautos uma certa seriedade.
Vou indicar este seu texto à uma amiga virtual, a Vivian que na minha opinião é oposição pura a politicos safados. Ela está no:
http://nomeuclic.blogspot.com/.
Saramar desculpe a extensão do comentário, mas é que geminiano fala mais que duas bocas. Bjão pra você e tenha um ótimo dia.

CAntonio disse...

Saramar,

Ótima idéia do Alexandre. Já enviei alguns desaforos via e-mail.

SDS.

luma disse...

Saramar, essa medida será apenas para "tapar" nomeações que já ocorrem aqui no Estado do Rio de Janeiro e que deve ocorrer em outros Estados. O que esperar mais desse desgoverno?
Beijus

Ronald disse...

Saramar, é o legitimo trem da alegria. Vou mandar aos representantes paranaenses também. Um freguês assiduo de um blog o faz pela qualidade dos textos, sendo então 5 estrelas, Escrivinhações não poderia estar fora dos meus favoritos. Se quiser e gostar, passe lá em casa. Bjs e até amanhã na blogagem...