NUNCA ANTES, NA HISTÓRIA DESTE PAÍS...

... TANTOS BRASILEIROS TRABALHARAM TANTO PARA SUSTENTAR TANTOS INÚTEIS, UNGIDOS PELO OPERÁRIO NO PODER

A desconstrução das "eventuais irregularidades" (Berzoini) cometidas pela ministra Matilde já começou. Aliás, começou como sempre, pelo líder lulo-petista, que manifestou seus sentimentos de "apreço e confiança" pela companheira. Confiança entre petistas é assim: aumenta na medida em que estes prevaricam. Por isso, para o líder, Matilde continua sendo referência. Que triste referência, hein Lula?

Berzoini, o impoluto carrasco de velhinhos aposentados, afirmou que a ministra está sendo atacada pelo preconceito e que os "ataques foram não apenas contra a ministra, mas também contra a existência da pasta (aqui)".

É mais uma inversão da realidade, como bem sabem fazer os lulo-petistas, porque, na realidade, quem atenta contra a luta pela igualdade racial são indivíduos que gastam consigo o que deveria ser investido em políticas sociais realistas e eficazes. Do mesmo modo que atenta contra as políticas (??) de combate à fome aquele que gasta dinheiro público em restaurantes, mercados e adegas caríssimas.

Porém, caro cidadão, não seja injusto. Ao defender a honra da ministra, os companheiros demonstram sabedoria. Afinal, Matilde não sabia, por exemplo, que era "irregular" gastar o dinheiro público nas férias (aqui). Também, com uns assessores desses, né ministra?

Também os "ativistas do movimento negro" defendem a ministra, dizendo que ela foi bode expiatório por ser negra e mulher. Se pensam assim, devem ser os primeiros a exigir a apuração completa das "irregularidades" cometidas por todos os outros funcionários que usam os cartões de crédito corporativos, porque precisamos saber o que o gênero e a cor da pele têm a ver com falta de ética.

Outros ministros que gastaram, a rodo, o dinheiro do contribuinte devem estar pulando miudinho neste carnaval, entre eles, Gil, o da cultura que gastou muito mais que a companheira Matilde.

Quanto ao ministro da pesca, coitado, neste caso dos cartões corporativos, é vítima de tantos erros alheios: é a agenda, é a administradora do seu cartão, é a assessoria (aqui)...

Como eu já disse, a gastança, até agora conhecida, é inversamente proporcional à eficiência do ministro ou à importância do seu ministério. Fico imaginando como e quanto estão gastando os super-ministros.

Quanto aos gastos da presidência da república (aí incluídos Marisa Letícia, aquela de quem não se sabe o que faz na república), já há um vislumbre: é preciso muito dinheiro, fruto do trabalho duro de muitos brasileiros, investido nos príncipes esquerdistas. Afinal, por que eu tenho pagar pelo botox da primeira inútil, se mal posso cuidar da minha saúde, em vista dos impostos altíssimos que entrego a esta cambada de aproveitadores?

É urgente a instalação de uma CPI dos cartões de crédito governamentais. Espero que a oposição (ai, ai) não se deixe engabelar pela demissão da desimportante ministra e providencie imediatamente o início desta investigação.

Se os companheiros esquerdistas, hedonistas que são, querem comer mel, que paguem do seu bolso.

UP DATE: O mensageiro será punido por dar notícias do rei. Leia aqui.

4 comentários:

Ronald disse...

E o dos esportes, na maior cara de pau, devolve quase 38 mangos. Não se trata da perfeita mea-culpa???

Bom carnaval..

Ricardo Rayol disse...

se ela fosse amarela, vermelha, azul, careca, manca ou estrábica iriam dar a mesma desculpa. Muita cara dura.

tita coelho disse...

É uma putaria né Sarinha...no mau sentido lógico! São todos uns caras de pau!
beijos linda

alexandre, the great disse...

Então vamos falar delle, que é "branquinho" e rico: FORA, EXTERMINADOR DE VELHINHOS, CRÁPULA, MENTIROSO e CÚMPLICE DE MARGINAIS!

Alexandre, The Great