E NÓS CONTAMOS OS CORPOS...

Texto lido ontem, por Tico Santa Cruz, vocalista dos Detonautas,
na escadaria da Assembléia Legislativa do RJ


"Os Deputados, Senadores, Prefeitos, Governadores e Presidentes, desfrutam de muitos privilégios PAGOS com o dinheiro do povo.

E nós contamos os corpos...

Seus filhos estudam em colégios particulares e muitos de seus parentes quando precisam são atendidos erm excelentes hospitais que não pertencem a rede pública. ANDAM EM CARROS BLINDADOS e moram em locais da cidade protegidos por seguranças particulares.

E nós contamos os corpos...

55% dos deputados estaduais residentes nesta Assembléia Legislativa estão respondendo a processos cível, criminal ou eleitoral, enquanto você sequer pode prestar concurso público se estiver envolvido em algum processo judicial.

E nós contamos os corpos...

Os políticos brasileiros são processados por fraudes, corrupção, desvio de verbas ou qualquer crime cometido ao longo de seu mandato TEM DIREITO A JULGAMENTO EM FORO PRIVILEGIADO.

Até o momento nenhum político envolvido nos crimes e nos escândalos de corrupção que acompanhamos pelos jornais e TVs foram parar atrás das grades. Isso chama-se IMPUNIDADE.

E nós contamos os corpos...

Verbas que deveriam ser destinadas a Rede Pública de Ensino, aos Hospitais, a Segurança de nossas Comunidades são desviadas por muitos destes cidadãos que deveriam nos defender e nos representar.

E nós contamos os corpos...

O Supremo Tribunal Federal retomou dia primeiro de março o julgamento de recurso destinado a garantir o foro privilegiado a "agentes políticos" processados por improbidade administrativa, mesmo que já tenham deixado o cargo. Dos 11 ministros do STF seis já votaram a favor dos político e um contra. Restam votar 4 ministros.

A medida, se aprovada, impedirá que ministros de Estado e o presidente da república sejam fiscalizados por procuradores na primeira instância da Justiça, como ocorre hoje. Além de paralisar os processos em andamento a decisão do STF permitirá que administradores já condenados possam pedir a RESTITUIÇÃO de valores que foram obrigados a devolver aos cofres públicos.

Cerca de 10 mil inquéritos e ações judiciais contra autoridades acusadas de corrupção podem ser arquivadas.

Os defensores do foro privilegiado querem que presidentes, ministros, governadores e prefeitos envolvidos em corrupção não sejam mais atingidos pela lei. O Código Penal Brasileiro é de 1940.

E nós contamos os corpos...

Um soldado da polícía militar ganha 800 reais por mês.
Um professor ganha em média 400 reais por mês.
Um médico do SUS ganha em média 1.500 reais.
O Estado gasta em média com nossas crianças 300 reais por mês.
Um preso custa aos cofres públicos em média 800 reais por mês e todos nós sabemos que o Estado não oferece nas penitenciárias NENHUMA CONDIÇÃO DE REABILITAÇÃO dos apenados, cabendo a sociedade arcar com todos estes custos e mais os salários dos nossos políticos que passam de QUINZE MIL REAIS mensais.

E nós contamos os corpos...

O Rio de Janeiro está em guerra enquanto nossos representantes não fazem nada

E nós contamos os corpos...

Fim da impunidade.
Fim da imunidade parlamentar.
Fim do voto secreto no Congresso Nacional.
Queremos segurança, educação e saúde de qualidade pois pagamos por isso.

SEM JUSTIÇA NÃO HÁ PAZ.

Deputados assumam suas responsabilidades pois elas são do mesmo tamanho de seus privilégios.

Enquanto nós contamos os corpos.

Ass) Voluntários da Pátria"

19 comentários:

Defensor disse...

Saudações
Simplesmente perfeito. É um sentimento comum esse... fim de privilégios, atenção à educação, segurança e saúde.
Começo a pensar em revolução...
Abraços, e desculpe a ausência.

DO disse...

Muitas palmas ao TICO SANTA CRUZ!!

Beijão!

José Alberto Mostardinha disse...

Olá Saramar:

Este texto devia circular de forma abundante pela blogosfera.
É pouca vergonha mesmo aquilo que ele traduz.
Esses políticos são autênticos traidores ao seu próprio povo.
Eles usam e abusam da ignorância de quem os lá põe... ou melhor, depois de lá estarem atraiçoam quem os lá colocou.
É muito mau para o Brasil que tal aconteça.
Boa semana.
Um beijo,

Glênio Gangorra disse...

Essa contagem teve início nos primórdios da ditadiura quando tantos camaradas militantes foram vítimas das atrocidades da polícia reacionária. Deveria prezada senhora abraçar a causa bolivariana e volver ao seio do movimento democrático nacional-socialista de esquerda do qual nunca deveria ter saído. Viva Fidel, Viva Magnum, Viva Uzi.

Fábio Max disse...

Sempre digo que o Brasil é feito de milhões de trabalhadores que sustentam uns poucos safados aboletados em seus governos.

Nós, brasileiros, como poucas exceções, não entendemos o conceito de que somo nós, do povo, que mandamos nos políticos. Nossas massas entendem o inverso e acham que alguma benesse vinda de cima é uma dádiva divina pela qual se deve agradecimento eterno...

E os políticos aproveitam... contem os corpos, dizem, façam isso desde que não deixem de contribuir para nossas boas vidas aqui no Olimpo de Brasilia e dos palácios de governo pelo país afora.

Jorge Sobesta disse...

Saramar,

Um dia a coisa explode.
Não há buraco sem fundo.
Aí nós vamos começar a contar (com um largo sorriso no rosto) corpos de políticos.

Grande Abraço.

Pênio Moraes disse...

Minha cara,

Sendo a senhora uma habitante do glorioso continente sul-americano deveriar envergonhar-se ao divulgar palavras de jovens contaminados pelo estilo de música imperalista, alienados e adeptos ao uso de substâncias que os impede de ver a verdade.
Não há vitória sem perdas em nossa revolução. Nossos valiosos líderes devem ser guardados a sete chaves em locais seguros e sua prole deve estudar em colégios caríssimos pagos com prazer com o nosso dinheiro, pois carregam os gens da vitória em suas veias sendo que alguns até carregam o fruto da terra onde o lider é o glorioso Evo Morales.

Viva eu, viva tu e viva o rabo do tatu.

Jussara Gehrke disse...

tomara que se realize a profecia do Jorge...

antes é preciso cuidar da Educação, pelo menos as pessoas precisam entender o que lêem, e é necessário desenvolver o senso crítico pra não ficarem engolindo as "informações globais novelescas".

Ju

Santa disse...

Sara,

Um dia muda. Muda se um poderoso constituido for atacado fisicamente, quem sabe morto, arrastado por um cinto de segurança..

CAntonio disse...

Saramar,

É preciso que parte desses artistas comecem a tirar as bundas das cadeiras, esqueçam um pouco do fumacê que engorda o crime e iniciem uma concientização dessa nossa (minha não) juventude alienada.

Parabéns ao Tico por começar essa cruzada. Espero que ele, a exemplo de Ana Carolina, leia esse "desabafo" em todas as apresentações do Detonautas. Já é um começo.

SDS.

Patrick Gleber disse...

É de arrepiar!

Vera Fróes disse...

Saramar, eu vi o Tico hoje no programa Mais Você e ele falou muito mais que isso. É bacana ver que ele encampou essa causa da violência. Admirável a postura dele!

Bjos.

Alexandre, The Great disse...

Saramar.
Palavras, palavras, palavras...... inúteis, infelizmente.
Somente teremos algum resultado quando praticarmos ações, ações e ações.
O alvo são os "pralamentares"? Ações contra eles.
Fora isto, o resto são "palavras ao vento".
Um beijo,

Stella disse...

um manifesto perdido em meio aos corpos onde o povo continua inerte boiando no sangue produzido pela ineficiência do estado e pela ignorância dos eleitores.

querida Sara, o oftalmo ainda não me liberou, preciso ainda de repouso
mas não resisto e cá estou por alguns minutinhos :-)
grata pelo carinho
bjks

Beatriz disse...

Simplesmente maravilhoso e real! Traduz exatamente o meu sentimento! Pena não poder estampar em out-doors, para que todos tenham acesso. Acho que esse texto deveria ser publicado diariamente em jornais e revistas e divulgado SEMPRE nas rádios e TVs, para que não seja esquecido e que seja sempre uma pedra no sapato de quem está aqui enquadrado.
Obrigada

Cida disse...

É uma pouca vergonha o que esses sacripantas fazem com os bocós de mola que os colocaram lá. Quando houver mais educação e tirarem do ar tantos programas emburrecedores que existem no meio de comunicação mais popular que existe, tais como Big Brother, Domingo Legal, Domingão do Faustão, Sonia Abraão, Super Pop, Cidade Alerta, tantos programas de crentes, não só de crentes de qualquer religião, pois na minha opinião, tv é para divertir e informar adequadamente, quem quer orar, deve ir ao templo, enfim, acabar com a baixaria na TV, acho que só assim começaremos à nos dirigir para algum lugar, sem deixar que tomem nosso país.
abraços,
Mara Marchesi (a revoltada)

Anônimo disse...

NOSSOS APLAUSOS PARA TODOS ESTES PRIVILEGIADOS.

Como na democracia a vontade da maioria prevalece, para nós da minoria só resta aplaudir todo este cáus no qual a nação brasileira chafurda. As Leis não feitas pelos SACRIPANTAS que a maioria sufragou nas urnas em troca de bolsa família, vale gás, auxílios e mais auxílios.
Esta mesma maioria de desqualificados na certa votará a favor de quem convocar o já anunciado, de forma velada, PLEBISCITO.
Com tantos artifícios para proteger os corruptos, aí incluídos alguns membros das mais altas esferas do Legislativo, Executivo e Judiciário, a classe dos honrados possivelmente deixará de existir e então SEREMOS O PARAÍSO DOS BANDIDOS.

Mário Henrique

Anônimo disse...

Comentar só, é muito pouco. Infelizmente eu tenho q admitir. Já existem muitos comentaristas demagogos e burgueses, que ganham, muitas vezes, muito dinheiro prá isso. Penso que devemos tomar uma atitude. O nosso povo é distraido, esquece os fatos rapidamente, até pela velocidade com que ocorrem novos e nefastos fatos, fazendo com que os anteriores sejam deletados da memória do povo. Todos sambemos disso. Outra cultura nossa é "Se estiver bonzinho pra mim não me mexo, quem não estiver, que se exploda". Precisamos agir coletivamente, ao invés de falar. E existe uma arma eficiente prá isso que não dispara um tiro sequer:
"A FORÇA E UNIÃO DO POVO"!
O nosso povo precisa se politizar mais, ao invés de ficar idolatrando determinados políticos.
Outra coisa que a maioria do povo ignora é que "O POVO É PATRÃO" e "OS GOVERNANTES SÃO OS EMPREGADOS". Quem merece ser reverenciado nesta história?
Flávio Antunes

Anônimo disse...

Interessante o que o Glênio Gangorra diz: "Essa contagem teve início nos primórdios da ditadura quando tantos camaradas militantes foram vítimas das atrocidades da polícia reacionária." Repetir chavões ao vento pode caracterizar a justificativa de um erro por outro. Vamos à lousa: Reacionário vem de reação e o que se está fazendo aqui é uma reação ao governo de plantão e suas atrocidades. Por outro lado, a explicação ao que o Tico levanta sobre o STF, caso pesquisemos em seu site oficial, é de que este órgão é a ÚLTIMA INSTÂNCIA para qualquer querela levada ao extremo. Os 11 ministros que o compõem são vitalícios, escolhidos e nomeados pelo Presidente da República de plantão. O atual plantonista já garantiu a maioria de 6 ministros desde que assumiu em 2003, sendo que a última indicada é sua atual presidente (http://www.stf.gov.br/institucional/ministros/presidentes.asp e http://www.stf.gov.br/institucional/galeria/). Se considerarmos tudo o que ele "aprontou" desde que assumiu, bem como suas simpatias ideológicas, já estamos marchando numa republiqueta "democrática" (entenda-se isso como quiser) socialista que terá longa vida.