VAMOS AGIR?

Você deve me perdoar o desabafo, mas estou farta.

Farta de falar e ouvir. De que adiantam as palavras, se todos os ouvidos se fingem de surdos?

De que adiantam as cruzes na praia e as manifestações, passeatas, pombinhas brancas, camisetas estampadas com símbolos, com mortos, com dores?

Quem está ligando para isso?

E, principalmente, quem deveria estar se importando com isso?

Você sabe, eu sei, todos sabem de quem é a responsabilidade. E daí?

Chorar em passeatas ou rezar nas igrejas vai resolver o problema da violência?

Ninguém se importa com essas bobagens. As almas dos governantes são tão duras quanto a dos criminosos. Ambos cuidam apenas dos seus interesses. São irmãos nisso.

Vendo na VEJA aquelas capas da história da revista, percebi que apenas uma vez, depois das manifestações pelas eleições diretas, os cidadãos reagiram. Foi quando o Sarney, então presidente (hoje empenhado em perseguir blogueiros), colocou o povo contra os empresários, fingindo que estes eram os inimigos da pátria. O povo, então, foi à rua destruir pequenos mercados, os vilões do momento.

Era outro momento, o drama era a inflação e as asneiras desses governantes que, em nossa burrice, elegemos sempre, eternos masoquistas.

Hoje, o drama é a vida.

E o mais grave é que não sabemos distinguir os mocinhos dos bandidos.

Só sabemos que todas as autoridades (?) do país estão do lado de lá. E a indiferença delas prova isso cotidiamente.

Então, se temos que fazer passeatas, que as façamos em direção ao congresso nacional.

Se vamos plantar cruzes, que as plantemos às portas do congresso nacional.

Se vamos mostrar nossos mortos, vamos colocar seus retratos nos corredores do senado e da câmara dos deputados, em lugar das fotos daqueles que deveriam cuidar dos cidadãos e, hoje, só cuidam de sim mesmos.

5 comentários:

Ricardo Rayol disse...

Ou então por que não matar eles todos? Duvido que façam falta. Po Saramar não vai ter crise que nem o daviD né?

Aluizio Amorim disse...

Saramar, o jeito é resistir com a arma que temos: a palavra.

abs
aluizio amorim

Jorge Sobesta disse...

Saramar

Lembra dos Caras-Pintadas?
Pois é, coisa da Globo. Assim como Diretas Já, Tancredo Coração de Estudante e tantas outras.

Quem manipula as marionetes do congresso, quando quer, agita a massa no horário nobre, pagando comercial, mini-série e notícia direcionada.

Ao que parece o cenário está de bom tamanho para os verdadeiros donos do Brasil, os quais não consigo identificar.

Esquenta a cabeça não, todo buraco tem um fundo.

Grande abraço.

Anônimo disse...

Associação Nacional dos Militares das Forças Armadas

* ANMFA *


Manifesto à Nação Brasileira
Cidadãos Brasileiros! Companheiros!

http://www.anmfa.org/manifest.htm



Brasileiros, uni-vos em nome do Brasil e da democracia.

A pátria necessita urgente de uma grande faxina!


FORA QUADRILHA !!!
IMPEACHMENT JÁ !!!!

Alexandre, The Great disse...

Saramar.
Eu "plantaria" outra coisa no Congresso Nacional, mas deixa prá lá.
A idéia das fotos dos mortos é chocante, sem dúvida, mas penso ser inócua para "sensibilizar ETs" (políticos não são do Brasil, sequer são da Terra).
Beijo,