ENGANAÇÃO E EMBROMAÇÃO

Estou cansado desse nhenhenhém do PT.
Essas cobranças públicas só me constrangem.
Lula da Silva, presidente.


Hoje fui lá no Noblat, o que não fazia há tempos, desde o episódio com a NG. Detesto pouquíssimas coisas, uma delas é a censura.

E agora voltei para copiar esta frase em epígrafe, depois que li no Globo que o líder elogiou o PT por não pressioná-lo em relação à escolha dos ministros.

Então por que será que teve que "dar uma bronca" em seus companheiros de partido? Segundo li aqui, em reunião com a comissão política petista, no Palácio do Planalto, Lula disse que não aceitará cotoveladas nos aliados, pediu o fim das brigas entre as correntes do PT por mais espaço no ministério e afirmou que a legenda "comeu mosca" nesse início de segundo mandato.

Eu ia falar da cara de pau, do cinismo, da afronta que sofremos com as mentiras de todo os dias. Entretanto, eu me sinto tão ofendida que poderia dizer algo ilegível. Por isso, só afirmo que sinto uma vergonha imensa de ter na presidência do país uma pessoa que mente mesmo quando não precisa mentir, como nesta bobagem de hoje.

Todos sabem que os petistas, principalmente os ligados ao Dirceu, estão se matando pelos ministérios e vem o Lula elogiar a "decisão do PT de não pressioná-lo". Ora, não precisamos de mais isso.

Mudando da enganação para a embromação, como ele não está sendo pressionado por ninguém, só irá indicar o ministério quando bem entender. Foi ele que disse. O país transformou-se na cozinha do planalto. Os ministros são os empregados domésticos, cujo empregador escolhe ao seu bel-prazer e no seu próprio tempo.

Pensando bem, o país anda muito bem sem o líder e seus serviçais. Isso, devo dizer, não é prerrogativa do atual condutor (?). Porém, o descaso (nunca visto na história desse país) com a escolha dos servos palacianos confirma o que todos sabem: o governo (?) não tem programa de governo. Então, por que se preocupar com seus executores se não há o que executar?

Por isso, amigo, sou obrigada a elogiar a coerência das atitudes do presidente deste país, o Brasil, a imensa cozinha particular de sua excelência.

8 comentários:

Silvio Vasconcellos disse...

Os ditos intelectuais do PT imagiaram criar um elemento que os levasse até às massas. Pensaram que o Lula seria o ideal: um operário, com pinta de povão, falando errado, sem um dedo, nordestino, barbudo - o prório Sasá Mutema.
O que eles não esperavam é que Lula crescesse e passasse a pensar por si. Agora, levam broncas e elogios, tal qual um pai faz com um filho.

junior disse...

Saramar,
Eu não gostava do lula, agora gosto. Eu nunca tinha pensado em usar minha cidadania européia pra viver em outro lugar, agora isso não sai da minha cabeça. Mas não foi o lula que que colocou essa idéia na minha cabeça, foi o povo brasileiro. eu gostava do brasil, agora não ligo mais pra ele, porque ele é o seu povo, é o povo que está no governo, o povo aprova tudo o que tem sido feito. Eu tenho vergonha de tudo que envolva o governo e o povo desse país. o governo em uma democracia é reflexo do seu povo. Eu cansei de achar que o povo era vítima, acho acho que ele é cúmplice. As mazelas do governo são as muletas do povo.
Triste.
Um beijo

Alexandre, The Great disse...

Saramar.
Parabenizo-a pelo seu senso de humor ainda em alta.
O que vc chama de "cozinha" na minha opinião não passa da "latrina".

Um beijo,

CAntonio disse...

Saramar,

Boas colocações as suas. Realmente eu não vejo nenhum motivo para que se cobre do presidente o novo ministério.

Em time que está ganhando não se mexe. No caso do Brasil seria: "em time que já conhece os meandros da roubalheira, não se muda sem chiadeira".

O que realmente mudará com um novo ministério? Nada.

E esta demora será sem dúvida uma boa desculpa no final deste ano, quando o PIB não ultrapassar os 3.5% (se conseguir).

Bjusmil

Fábio Max disse...

Essa reforma ministerial é o reflexo do balcão de negócios que foi a sucessão presidencial.

O PMDB fez de tudo para facilitar a vida do PT e agora cobra a conta!

O PR, o PTB, o PAN e os demais, ficaram com o governo mas, se Lula tivesse perdido, estaria, se oferecendo para o Alckmin ou o Cristóvam ou até para a Heloisa Helena.

E o PT finge que não comprou ninguém e que não fez conchavo nenhum. Ficou alardeando querer tudo até que, pelo jeito, o presidente se enfezou e a militancia pos o rabinho entre as pernas... perceberam que a encenação passou dos limites até mesmo para eles!

Jussara Gehrke disse...

o jargão é velhíssimo, mas verdade nesse nosso triste país: tudo farinha do mesmo saco.

e como diz o Junior aí em cima, o povo é cumplice.

quem somos nós, quantos somos nós que ainda temos a capacidade de nos indignar?

eu trabalho num lugar junto com mais 41 pessoas, passo praticamente 10 horas por dia junto delas, almoçamos juntos inclusive, e ninguém, absolutamente ninguém comenta sobre o governo, fala sobre politica, sobre o social, parece que nem comentam mais de crimes, só o que ouço comentários é sobre novela e o big brother.

essa é uma amostra do povo brasileiro, chega na quinta (hoje) e já estão falando da cerveja do happy hour de amanhã!!!

Triste,
Ju

Patrício no Pilar disse...

Minha cara Saramar... de blog espetacular... com o perdão do trocadalho dá uma espiada no meu... é anti Ciro Gomes e cobra em público um calote antigo... é o que vos digo... blogueiro unido jamais será vencido... abs

DO disse...

PERFEITO,SARAMAR.
E mais não preciso dizer.
Beijão!!