"ESTÁ TUDO DOMINADO" NO DECÁLOGO DO RETIRANTE PINÓQUIO

(roubei a imagem daqui)




um excerto do texto de Geraldo Almendra

"Os canalhas são mais didáticos que os honestos. O canalha ensina mais. Temos tido uma psicanálise para o povo, um show de verdades pelo chorrilho de negaças, de "nuncas", de "jamais", de cínicos sorrisos e lágrimas de crocodilo. Nunca aprendemos tanto de cabeça para baixo. Ânimo, meu povo! O Brasil está evoluindo em marcha a ré! Os canalhas são a base da nacionalidade".

"Com a morte do petismo romântico, com o derretimento do PSDB, o destino do país vai ser a ideologia escusa, sem moral, do peemedebismo que o lulismo favorece. Os sinais estão no ar. Nosso destino histórico é a maçaroca informe do PMDB. O objetivo dessa mixórdia é nos fazer descrentes de qualquer decência." (AJ)


O toque de mestre da tomada do poder pela esquerda calhorda é o fato de conseguir dominar plenamente a sociedade sem as batalhas nas ruas que caracteriza as grandes transformações sociais durante os processos políticos que antecedem uma revolução com o objetivo de mudar o controle do Estado.

À semelhança do decálogo de Lenin, podemos, na prática do dia-a-dia do petismo, lulismo, ou qualquer nome que se queira dar a essa desgraça que tomou conta do submundo da prostituição da política e se espalhou pelas entranhas dos Poderes da República, estabelecer um referencial para os fundamentos das táticas revolucionárias do Retirante Pinóquio:

1. Promova a ignorância diplomada do processo educacional, corrompa a juventude, incentive a promiscuidade sexual, e promova a o consumo de drogas por meio de propaganda enganosa distribuída por "agentes" disfarçados.

2. Provoque, humilhe, desorganize, e desacredite as Forças Armadas perante a opinião pública; fortaleça as forças policiais civis e militares subordinadas diretamente ao Estado corrupto criando uma força paralela fascista para defender os interesses dos novos donos do poder, e organize uma resistência civil irrestritamente beneficiada pelo assistencialismo populista para impedir manifestações contra o governo.

3. Infiltre amplamente as instituições públicas e privadas com os militantes da revolução da canalhice comunista dando-lhes segurança e bem-estar no usufruto da segurança do empreguismo em troca de sua lealdade.

4. Compre as consciências do mundo corporativo civil com o suborno nas relações público-privadas e endivide o Estado sem limites para remunerar os fiadores capitalistas da destruição do país.

5. Utilize o populismo assistencialista para fazer da sociedade majoritariamente excluída, um refém dependente do Estado.

6. Esbanje sem limites o dinheiro público no fortalecimento da estrutura do Estado corrupto e prevaricador pagando altos salários e oferecendo mordomias para suas classes políticas, gerenciais, e executivas.

7. Promova o apodrecimento moral e ético dos Poderes da República, tornando o Congresso dependente das alianças políticas espúrias com o partido do governo e forme alianças com as diversas instâncias do Poder Judiciário para relativizar a aplicação dos códigos legais conforme os interesses do Poder Executivo e de seus cúmplices.

8. Promova o desarmamento civil e catalogue todos aqueles que possuam armas de fogo para que elas sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência a causa "revolucionária" da canalha da corrupção e da prevaricação.

9. Divida a população em grupos antagônicos incitando a defesa dos interesses da revolução petista utilizando o medo e a covardia da sociedade – refém da falta de cidadania – como instrumento de controle de movimentos sociais alternativos.

10. Assuma o controle da academia, do meio artístico e dos veículos de comunicação de massa com a força do poder financeiro e coercitivo do Estado sem limites de imoralidade ou falta de ética.

As grandes lutas ideológicas entre as concepções políticas de domínio do Estado no nosso país cederam lugar a uma luta pelo controle do poder público para impor a mais canalha associação de interesses comunistas e capitalistas para conseguir o domínio da sociedade através do controle de suas instituições, atendendo aos interesses da nova burguesia petista e das elites dirigentes públicas e privadas que têm explorado a sociedade há décadas.

Como bem escreve um dos poucos jornalistas do país que tem coragem e vergonha na cara, nosso país está sendo pós-graduado na cultura da sacanagem.

A corrupção, a prevaricação e a vagabundagem tem sido características dos Poderes da República ocupados pelos governos civis. A diferença entre o atual e os anteriores é que os disfarces acabaram e a sociedade organizada foi convencida, pelos atos do retirante Pinóquio, que ser vagabundo, hipócrita, canalha, corrupto, omisso e mentiroso, é a essência da atividade política. Sendo assim, vamos relaxar e gozar, e todos seremos iguais, deixando o país afundar no mar de lama da corrupção generalizada.

6 comentários:

Ricardo Rayol disse...

Saramar, beleza de post. E me dá arrepios pensar que isso tudo está em andamento a pleno vapor.

CAntonio disse...

Saramar,

Será que era desse reino que o profeta disse?


....E o seu reino não terá fim....

Vigi! Vade Retro Satanas petralhas.


Bjusmil

sonhadora disse...

Nesta cálida noite de Verão sonho com o amor à luz da lua e com os seus beijos que envolvem todo o meu corpo.

Beijinhos embrulhados em abraços

Anônimo disse...

4646
71912551 1 4635, 453 1469.
897... 897... 83991!!!!!!!!!!!

7313991

Joana Dalila Santos disse...

Pois

alexandre, the great disse...

Saramar.
Um artigo digno de uma nota 10 no Curso de Ciências Políticas.
Parabéns!


Alexandre, The Great